23/01/2016

Quem poderia me entender...


Eu juro que tentei ser normal.
Coisas que faço, coisas que falo e ninguém entende.
Daí tenho que comportar-me de acordo com o ambiente.
Já não tenho mais paciência para aturar quem queira me julgar e zombar de mim por causa da maneira como penso. Mas esse tipo de gente está em todo canto, que nem praga! E eu não consigo fugir delas... Me sufocam o tempo todo e não há quem possa me socorrer porque, por aqui, são todos assim -Insuportáveis...
Queria sair dessa realidade. Sair para a Califórnia ou Gana e depois voar em torno da lua, das estrelas, de Marte e Vênus... E voltar, quem sabe, quando houver uma pessoa que me entenda.

Nenhum comentário:

Postar um comentário